Refletindo com BUDA


“Podemos ser grandes, ainda assim plenos de benevolência;plenos de compaixão,

ainda assim serenos. Vive como as cordas de um instrumento bem afinado –

nem muito frouxas, nem muito apertadas.”

(Buda)

Anúncios