ATIVIDADE INTERDISCIPLINAR Nº 01 (EJA IV) – LÍNGUA PORTUGUESA, HISTÓRIA E MATEMÁTICA


Exposição: Trocas de experiências. 

Esta atividade foi elaborada pela Professora Robélia Aragão (Professora da EJA), destinada aos estudantes da Educação de Jovens e Adultos, durante o período de distanciamento social em decorrência da COVID19, com objetivo de envolver as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática e História para trabalhar a temática Distanciamento social e as suas implicações para a sobrevivência.

Foram consideradas:

  • Preferência textual –  música  – para envolver mais o público;
  • Interdisciplinaridade da temática para contextualizar os desafios e possibilidades para a sobrevivência durante a Pandemia;
  • Aproximação dos conteúdos explorados com a vida do aluno;
  • A arte ajuda a encarar este momento com mais leveza;
  • Informações sobre o Auxílio Emergencial;
  • Não está sendo contabilizada em horas trabalhadas para fins de cumprimento do ano letivo;
  • Dificuldades com o uso da tecnologia por parte de alunos e colegas professores, a proposta colaborativa auxiliar nesta questão.

A sequência de atividades foram as seguintes:

  • Explicação  a respeito da atividade no Grupo de WhatsApp da EJA, no qual estão alunos que manifestaram interesse em permanecer em contato com os estudos.
  • Orientação: Atividade Interdisciplinar nº 1: Acesse a proposta de atividade disponibilizada em PDF e imagens no grupo; observem que a atividade envolvem conhecimentos de Língua Portuguesa, Matemática e História;recorram as demais professoras, além da de Língua Portuguesa, para dirimir dúvidas; acesse ao link da música para escutá-la (AnaVitória – Me conta da tua janela), para então responder algumas questões e aos demais links, incluindo ao do Auxílio Emergencial; responda em seu caderno em forma de roteiro.

Acesse ao link da música:

Link da Música Me conta da tua janela de AnaVitória (uso pedagógico)

Acesse a atividade (documento), clicando no destaque a seguir: 

ATIVIDADE NA QUARENTENA INTERDISCIPLINAR Nº 01 (EJA IV) LINGUA PORTUGUESA MATEMATICA E HISTÓRIA

  • Esta é uma estratégia para além da finalidade pedagógica, estreitar laços através da música. Vamos dialogar?! Será que teremos outras adaptações? Vamos incentivar uns aos outros? Curtiu? Deixe o seu comentário.

Uso slide em formato de vídeo – Aula 1 – Contos, Professora Robélia Aragão, EJA


contos
Aula 1 – Contos

O slide/vídeo intitulado Aula 1 faz uma breve abordagem a respeito dos Gêneros/ Contos. Essa possui o objetivo de ampliar os conhecimentos com já explorados, presencialmente, nas turmas dos Anos Finais do Ensino Fundamental – Educação de Jovens e Adultos (EJA). Essa atividade remota foi elaborada para ofertar aos estudantes jovens e adultos, que estão em distanciamento social por causa do Coronavírus/COVID19 e manifestaram interesses em manter contato com a escola através de seus professores, usando algumas estratégias, dentre elas, o Grupo de WhatsApp da EJA e a participação de atividades por componente curricular/interdisciplinar. Também, depois de assistir a essa aula, foi proposto um conjunto de questões disponibilizadas por meio de formulário eletrônico e/ou PDF. Os dois formatos de disponibilizados das atividades levaram em conta a realidade dos alunos. Este é uma das iniciativas, dentre outras, de manutenção do vínculo com os estudantes.

Link: Aula 1 – Contos, Professora Robélia Aragão, EJA

Por: Robélia Aragão.

Obs.: Desconsidere as falhas técnicas na estrutura do vídeo, apenas uma ilustração sobre o uso do PowerPoint para desenvolver uma aula de revisão, principalmente, neste período de distanciamento social.

Saudade da minha avó


A semana iniciou e com ela a esperança de um mundo melhor. Sei que teremos desafios pela frente, mas resolvi enfrenta-los. No café da manhã, em diálogo com minha esposa, comento:

_ Será que a pandemia vai perdurar por muito tempo?

_ Acredito que até meados de junho estaremos ainda em distanciamento social. – respondeu minha esposa.

Olhou para ela angustiado. Já estava incomodado pelo fato de não ter tido mais contato com minha avó.O desejo de protegê-la não me permite ir até a sua casa. Minha esposa, ciente disso fala:

_ Sei que as coisas não estão fáceis, sei da saudade que senti de se aproximar de sua avó. Mas tudo isso irá passar.

Apenas a olhei. Despedi-me e fui ao trabalho. Durante o percurso avistei pessoas andando tranquilamente sem nenhuma proteção. Pessoas sem máscaras próximas uma das outras. Muita gente é mesmo sem noção.

Chegou ao trabalho. Uma farmácia que precisa ficar aberta para atender ao público. Afinal, muitas pessoas precisam de remédios. As outras doenças não pararam de existir.

Dirijo-me ao balcão devidamente protegido para atender ao público e ao mesmo tempo me proteger. Observo ao redor desse e vejo clientes, alguns aparentemente tranquilos, outros extremamente preocupados com o nível de contágio do COVID19.

De repente aparece uma jovem, que perguntou:

_ Há fraldas geriátricas?

_ Vou olhar no estoque, pois as da prateleira acabaram. – informei.

_ Cuido da minha bisavó, que precisa fazer uso dessas rotineiramente. – ela comentou.

Fui ao estoque e retornei.

_ Ah, tem sim! – informei a simpática jovem.

_Qual idade da sua bisavó? – findei questionando.

_ Ela é uma senhorinha agradável com oitenta anos de idade. Está- me esperando e ficou em casa fazendo máscara para doação.

– Que coisa bonita! – exclamei.

Ela riu, pagou e levou as fraldas. E a imagem da minha avó pairou em minha cabeça.

_ É verdade! Posso até não ver presencialmente a minha avó durante esse período, mas ela acaba se fazendo presente em cada história dessa que chega aqui. – sussurrei para mim mesmo.

E, certamente, aquela bisavó está sendo zelada por sua bisneta e a minha avó, assim como tantas outras estão em casa com alguns familiares, aguardando o dia em que terá a oportunidade de abraçar os demais que estão distantes. E nós, filhos, netos e bisnetos estamos tendo a oportunidade de perceber o quão importante são os idosos para nossa vida.

_ Ah, sim! Isso vai passar! E logo estarei com ela para comer aquele cuscuz com ovo no café da manhã. Nosso prato preferido.

Esse encontro vai acontecer, vamos dar muitas gargalhadas e afetuosos abraços. A COViD 19 será apenas uma importante lembrança para darmos importância as coisas simples da vida.

 

Robélia Aragão