A Igrejinha da Maria Preta


Phototastic-21_06_2015_d7b282c8-6fd2-4aa8-b406-0aac75d0dc9b[1]

Era uma vez uma igrejinha 

Toda lindinha!

Maria Preta era o lugar

No qual foi construída para o povo visitar

Atendendo uma promessa de um filho que ao seu pai queria homenagear

Parei…entrei…

Precisava conhecer a igrejinha de queridos parentes 

Que abriram as portas da mesma para não ser excludentes.

Vá lá!

Ela continuar esperando você para a Deus celebrar. 

Robélia Aragão 

Imagem do amanhecer


Imagem do amanhecer

Foto: Milton Galhego.

Amanhecer vendo esta imagem atípica para as nossas manhãs, nos fazem acreditar que para Deus tudo é possível.Afinal, comumente, podemos visualizar galos, galinhas e pintinhos, mas pavão, eis a novidade! Belo animal emoldurado pela imagem do céu azul.Belo olhar de quem capturou esta cena, animal em cima do telhado de nossa casa. Visitante ilustre!  (Robélia Aragão)

Moça Novassourense


Quando passa esta moça morena

Cabelo encaracolado

Face serena

Os garotos  olham o seu rebolado.

 

Corpo escultural

Nada artificial

Suplico: não use chapinha

Sua aparência reflete uma harmonia.

 

Nesta fase juvenil

Ainda mantém atos pueril

Cresca aos poucos

Não ceda aos caprichos de qualquer moço.

 

Ouca os conselhos paterno

Some-os com os maternos

Eles te farão bem

Apesar de proibirem alguns comportamentos,  também.

 

Acha que cresceu?

Não sabe como é difícil ser adulta

Quando erra, sempre se culpa.

Na juventude, quando erra ou acerta, todos dizem que você cresceu.

 

Trilha para lá

Trilha para cá

Vai a pracinha do colégio

Isso é um privilégio.

 

Bairro da Torre é o seu bairro

Seus familiares lá residem

Não é Maria do Bairro

Mas gosta dele, acreditem.

 

Reflete a miscigenação

Da população

Chamada natubense

Atualmente, novassourense.

 

Beleza sem igual

Sorriso fenomenal

Esta moça é novassourense

Você não conhece? Pense.

 

Moço, sonhe com ela

envolta numa brisa da manhã.

Esta moça singela

Vai crescer, encontrá-la depois, será uma façanha.

 

Robélia Aragão

Professora e Coordenadora

 

 

 

 

 

 

Nova… Soure…


Cidade do interior

pequena, simples e repleta de pessoas cheias de fervor.

 

No século XVIII,

 os padres da Companhia de Jesus que por aqui passaram

descobriram uma aldeia de índios Quriris

 à margem de um afluente do rio Itapicuru

Marcas dessa história  ficaram

 

Surgira a Natuba

Na verdade Nossa Senhora da Conceição da Natuba.

Catequese, religião, edificações, convetos, capelas

Surgi Soure, a bela.

 

Reivindicações surgiram

Soure…esse nome não fora registrado.

Apresentam Nova Soure,

município emancipado.

 

1º de junho de 1944,

 o benfeitor Monsenhor Antônio da Costa Gaitto

recuperou a condição de município

Data em que comemoramos a emancipação política da cidade.

 

A partir, de então, temos uma verdadeira cidade

com pontos positivos e negativos.

Complexa em suas características

sociais, econômicas e culturais.

 

O povo não desanima

luta, brinca e brilha.

O povo prefere acreditar

no espírito da persistência

valorizando a resitência do verbo:

acreditar!

Robélia Aragão