Desabafo: indecisão.


Meu coração anda angustiado.

Afetando a minha vida.

Angústias profissionais atreladas a da alma.

Ser humano é uno, singular…

Diante do tamanho cansaço que me acomete

Não sei por quais caminhos trilhar. 

Não sei se continuo…

Não sei se desisto. 

Não sei…

Trabalhar com gente 

É desafio constante.

Ora, uma coisa.

Ora, outra.

Muda-se situações confortantes.

Muda-se de posicionamentos.

E no universo público…

Mais frequente.

O que é certo

É encarado como errado.

Critica-se falhas e vícios

Mas há mobilização para mantê-los.

Responsabilidade impulsionada

por demandas  e expectativas.

As últimas serão  atingidas

Quando houver amadurecimento coletivo.

Quando isto acontecerá?!

No dia em que deixarmos de alimentar  nossos orgulho, rancor e  inimizades 

Substituídos por sentimentos de respeito, por posicionamentos de alteridade…

No dia em que defendermos  que o outro é a minha imagem e semelhança.

Afinal,  a vitória não é concretizada porque não se fala a mesma língua.

 

Robélia Aragão

 

 

 

Anúncios

Em defesa da educação pública


A educação pública somente alavancará quando, de fato, o espírito democrático gradativamente adentrar às escolas, transformando visões unilaterais em multilaterais, atuando não somente no que concerne o pedagógico mas também no que tange a gestão dos recursos financeiros públicos. Afinal, a dimensão pedagógica somente será eivada de sentido quando contextualizada e assegurada mediante recursos que a instrumentalize.  (Robélia Aragão)